Dia Mundial da Sepse

Home / Dia Mundial da Sepse

Dia Mundial da Sepse: Hospital Regional do Vale do Paraíba faz alerta sobre as infecções generalizadas

 

A sepse, ou infecção generalizada, é uma doença potencialmente grave desencadeada por uma inflamação que se espalha pelo organismo diante de uma infecção. Entre as pessoas mais sujeitas a desenvolver o quadro, estão as pessoas hospitalizadas, com predisposição genética e sistema imunológico debilitado.

 

Para marcar o Dia Mundial da Sepse, celebrado em 13 de setembro, o Hospital Regional do Vale do Paraíba, em Taubaté, realizou mais uma edição da Campanha “Pense: pode ser Sepse?”. O objetivo é conscientizar as equipes do Hospital com foco a melhorar a percepção e o tratamento da infecção generalizada, que pode levar a queda de pressão arterial, falência de órgãos e outros sintomas.

 

Segundo dados do Instituto Latino Americano de Sepse (ILAS), a doença é a principal causa de morte nas UTI’s e uma das principais de mortalidade hospitalar tardia, superando o infarto do miocárdio e o câncer. O Brasil chama atenção com uma estimativa de 670 mil casos por ano e taxa de mortalidade a 65% dos casos, enquanto a média mundial está em torno de 30 a 40%.

 

A campanha no HR foi dividida em duas fases, sendo a primeira composta por palestra educativa, abordando sobre a identificação rápida da doença e o tratamento adequado, fatores primordiais para a sobrevida, como explica o Médico da Qualidade do Hospital, Dr. Izac Alessandro. “O grande problema da sepse no Brasil é o diagnóstico tardio. Diante dos sinais mais claros nós acabamos considerando outras doenças e nos esquecemos da sepse. É preciso ser mais rápido, treinar o olhar mais cuidadoso para os detalhes, se questionar e investigar. Essas são questões cruciais para a recuperação do paciente”.

 

A segunda etapa da campanha irá compreender um trabalho in loco da Equipe da Qualidade junto às Unidades Assistenciais, para verificação da elegibilidade dos pacientes em atendimento no HR. O Hospital Regional do Vale do Paraíba conta com um protocolo específico para diagnóstico e tratamento da Sepse, que é aberto assim que os sintomas característicos da doença são identificados.

 

Na ação de lançamento, estiveram presentes cerca de 50 profissionais das equipes multiprofissionais, como Enfermagem, Fisioterapia e membros do Corpo Clínico.

(12) 3634-2000

Hospital Regional do Vale do Paraíba - ©2019 - Todos os Direitos Reservados