Urologista do HR fala sobre as doenças do homem em Programa Especial.

Com novo protocolo, HR realiza Conferência de Profilaxia de TEV

Serviço de hemodiálise do HR realiza 14º encontro do Projeto “Educarim” com cuidadores e pacientes na unidade

Pelo segundo ano consecutivo, Serviço de Oncologia do HR recebe visita internacional
 
Ver todas
 

COM NOVO PROTOCOLO, HR REALIZA CONFERÊNCIA DE PROFILAXIA DE TEV

        

           Quase dois meses após a implantação do Protocolo de Avaliação do Risco de Tromboembolismo Venoso (TEV) em pacientes cirúrgicos, a Diretoria Técnica do Hospital Regional do Vale do Paraíba em parceria com a UTI Adulto realizou, no início do mês de outubro, a Conferência de Profilaxia de TEV no Paciente Cirúrgico.


            Instituído em agosto, o protocolo visa à prevenção de TEV por meio de profilaxia medicamentosa, utilizando-se anticoagulantes, no paciente que previamente apresente risco cirúrgico e seja avaliado pela equipe assistencial. O TEV acontece quando um coágulo sanguíneo se forma em uma veia profunda (TVP) e é transportado até o pulmão, causando a embolia pulmonar.


            Ministrado pelo especialista em Cirurgia Vascular, Dr. Adilson Ferraz Paschôa, do Hospital Beneficência Portuguesa, de São Paulo, o evento abordou estudos atualizados sobre o tratamento e também ressaltou a importância de se identificar os riscos do paciente precocemente. “Se ao receber o paciente para a cirurgia realizarmos uma análise prévia para identificar se há riscos de TEV, vamos prevenir diversas complicações decorrentes do procedimento cirúrgico nesse tipo de paciente, além de aumentar a segurança de sua saúde e bem-estar no pós-operatório”, afirmou Paschôa.


            Para a Coordenadora da UTI Adulto do HR, Dra. Marcia Queiroga, o evento veio somar ainda mais para a atualização e conscientização dos profissionais frente ao protocolo de TEV. “O HR tem hoje diversas ferramentas para garantir a segurança do paciente desde sua internação até o momento da alta e a conferência veio ao encontro de nosso objetivo que é manter a equipe médica atualizada e preparada para acompanhar esse desenvolvimento”, destacou.


            Durante a conferência, Paschôa detalhou também a importância da avaliação de grupos mais sensíveis ao uso de profilaxia. “Alguns quadros especiais como idosos, pessoas com insuficiência renal ou com câncer e pacientes ortopédicos que apresentarem risco de TEV merecem maior atenção devido a sua sensibilidade ao uso de anticoagulantes. Nesses pacientes o uso de profilaxia deverá ser analisado de modo a garantir a estabilidade do paciente”.


            A iniciativa do Instituto de Ensino e Pesquisa do HR reuniu 32 participantes, entre enfermeiros, médicos e residentes. 

Fonte: Assessoria de Imprensa – Outubro/2014.

 

 


A Coord. de UTI Adulto do HR, Dra. Marcia Queiroga durante abertura da Conferência de Profilaxia de TEV no Paciente Cirúrgico

 

A Conferência reuniu 32 profissionais entre enfermeiros, médicos, residentes do HR

 

Responsável por ministrar a Conferência, o especialista Dr. Adilson Ferraz Paschôa explicou a importância da Profilaxia no paciente cirúrgico



 

 

 

 
Hospital Regional do Vale do Paraíba - Todos os Direitos Reservados - Resolução 1024x768
 
Avenida Tiradentes, 280 - Jardim das Nações, Taubaté /SP - CEP: 12030-180 - Taubaté/SP - Telefone: (12) 3634-2000